segunda-feira, 24 de novembro de 2014

A vagina, doce nascente em ebulição

...

A vagina, doce nascente em ebulição
Desejo de amor, lâmpada de Aladim
Fonte de prazer, luxuria, pura tesão
A mais bela rosa nascida em jardim

Os homens amam seu perfil perfeito
Algumas mulheres as amam também
Rapadas, peludas, de qualquer jeito
Fechadas, abertas, ficam sempre bem

Fonte pura, gotas de água cremosa
 Pintelhos de várias cores a rodeiam
Fica sempre sublime e maravilhosa
Dependendo do jeito que a penteiam
..............

8 comentários:

  1. Adoro a imagem onde se realça de uma foma pura e cheia de beleza a vagina da mulher, sendo que poema está fabuloso numa sintonia perfeita com a imagem.
    Parabéns pelo vosso blogue que está muito bonito embora me atreva a dizer que a imagem que suporta o blogue não esteja condizente com o fim a que esse, o blogue, se destina. Sensual e erótico.
    Felicidades para o blogue.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Adim, muito obrigada pelo seu carinhos comentario, de facto a imagem do titulo nada tem a ver com o conteúdo do blogue, mas tem apenas uma semana e ainda anda sobre modificações. Mudarei a imagem assim que for possível, muito obrigada.

      Eliminar
    2. Obrigado pela sugestão caro Adim Sonhador. Já está mudada a imagem.
      Volte sempre

      Eliminar
  2. Não haja duvidas que, peludas ou peladas... interessa é haver muita tesão... kkkkkk

    Um sussurro...

    ResponderEliminar
  3. Cheguei aqui através de outros... gostei, vou ficar... adorei a postagem... mas deixem-me que vos diga já nãos e usa as bichaninhas peludas... tudo limpinho é outra coisa

    bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ainda bem que aqui chegou.
      Seja bem vinda.

      Sussurros meigos

      Eliminar
  4. São fontes de sedes saciadas e de prazeres renovados,pertencem a mulheres cada uma com a sua beleza e encanto ;) gostei do poema Max,PARABENS

    E adorei a imagem do blogue,parabens a ambos pela escolha

    Beijos e abraços

    ResponderEliminar